CONHEÇA O INIMIGO:

Os ratos são responsáveis pela transmissão de várias doenças, segundo a Organização Mundial da Saúde – OMS, já foram catalogadas
cerca de 200 doenças transmitidas ao homem por roedores, sendo as que se destacam são as pestes: bubônica, tifo, febre hemorrágica,
salmonelose, micoses, sarnas, leptospirose e outras mais. Abaixo características das principais espécies de roedores sinantrópicos (que
convivem no mesmo ambiente do homem):

Microsoft Word - Roedores - Biologia e Controle

 

Microsoft Word - Roedores - Biologia e Controle

 

Um casal de Ratazanas pode gerar 200 descendentes durante um ano e no caso dos Camundongos, basta um pequeno grupo de 2 a 3 casais para chegar até 2.000 por ano, o seu potencial reprodutivo é muito elevado permitindo regenerar muito rapidamente a população.

CARACTERÍSTICAS:

Os roedores possuem os sentidos muito apurados, principalmente tato (através dos pelos), audição, olfato e paladar.

A visão, porém, é limitada. Entretanto é bastante sensível às variações de intensidade luminosa, o que confere aos mesmos a capacidade imediata de perceber movimentos.

  • O corpo é muito flexível, passando a cabeça são capazes de se locomover pelo interior de canos, conduítes e tubulações de diversos tamanhos.
  • Roem vários tipos de materiais considerados duros, entre eles madeira, tijolos, chumbo, alumínio etc.
  • Sustam a respiração por até 3 minutos, e nadando dentro de um cano de esgoto podem facilmente penetrar em uma residência através do vaso sanitário. São exímios nadadores, alcançando distâncias até 800 metros.
  • Sobem pelo exterior de canos e calhas verticais que estejam separados de uma parede por até 7,5 cm de distância, apoiando as patas no cano e as costas na parede ou vice-versa.
  • Sobem pelo exterior de canos e calhas verticais que tenham até 9,5 cm de diâmetro, abraçando-se neles.
  • Caminham e equilibram-se sobre qualquer tipo de cano ou conduite horizontal.
  • Acessam andares superiores de edificações, através do interior de canos e calhas com diâmetro entre 4 e 10 cm, usando para isso o apoio de suas patas e costas.
  • Pulam verticalmente cerca de 1 metro de altura, partindo do chão.
  • Cavam tocas verticais no solo podendo atingir até 1,25 metros de profundidade.
  • Não sofrem qualquer tipo de ferimento em quedas até 15 metros de altura.
  • Ganham andares superiores de construções fazendo uso somente da quina de duas paredes como sustentação.
  • Saltam horizontalmente até 1,2 metros de distância, partindo da imobilidade.

INFESTAÇÃO:

Roedores sinantrópicos vivem próximos ao homem, e estão constantemente em busca de alimento, água, abrigo e acesso. Os principais sinais indicativos da presença de roedores são:

  • Presença de fezes.
  • Tocas.
  • Ninhos.
  • Trilhas de roedores.
  • Manchas de gordura nos locais onde passa.
  • Odor característico de urina.

  • Presença de ratos vivos ou mortos.

  • Papéis picados, alimentos, roupas, sapatos roídos, etc.

Após o tratamento para Controle de Roedores é importante seguir as orientações abaixo:

LIMPEZA DO LOCAL
Para cortar a urina do rato deve-se efetuar a limpeza do local e de tapetes, roupas com Lisoform Bruto conforme instruções naembalagem, fazer a lavagem ou passar com um pano úmido, principalmente nos cantos das paredes, este produto se encontra facilmente nos supermercados, porém deve ser utilizado com cautela por pessoas alérgicas.

         ELIMINE OS 4 As:

 

  1. Alimentos
  2. Água
  3. Abrigo
  4. Acesso

 Alimentos

  • Nunca deixe restos de comidas e alimentos em geral sobre a mesa, fogão ou no forno.
  • Coloque frutas, verduras e sobras de comidas na geladeira, assim como biscoitos e pães devem ser guardados em recipientes com tampa no armário ou geladeira.
  • Evite lixeiras cheias e sem tampas, principalmente internas ou próximas a porta da cozinha.
  • Evite deixar a ração/alimento de seu animal de estimação exposta durante a noite, e ofereça sempre no horário da manhã, retirando as sobras após ele se alimentarem.
  • Alimentos que mais atraem ratos são: alimentos gordurosos, frutas (adoram!), grãos, rações de animais, etc, etc…

                     

                      Água

  • Sempre feche bem torneiras do tanque e da pia e não deixe recipientes expostos com água durante a noite. Atente se com a água do seu animal de estimação, baldes com água de chuva, etc.

                    Abrigo

  • Evite acumular caixas de papelão e caixotes.
  • Elimine restos materiais e entulhos de construção, principalmente blocos.
  • Elimine materiais como: madeiras, revistas, jornais velhos, roupas velhas, etc.
  • Mantenha quintais, garagens, quartinhos, porões, sótãos limpos e organizados.
  • Se livre de excessos e de coisas que não utiliza mais.

 

           Acesso

  • Instale telas e grelhas de metal de 6 mm em frestas e aberturas.
  • Utilize ralos abre-fecha ou coloque sacos de areia nas aberturas.
  • Mantenha portas e janela fechadas durante a noite.

ATENÇÃO: NUNCA UTILIZA O CHUMBINHO, ALÉM DE SER UM PRODUTO PROIBIDO É PERIGOSO.

Entenda porque além de ser proibido e perigoso ele é ineficiente para o controle de roedores:

Esses venenos agrícolas possuem elevada toxicidade aguda, de forma que a morte do roedor ocorre poucos instantes após sua ingestão, o que dá a falsa impressão ao consumidor de que o produto é eficiente. Mas as  colônias de ratos não funcionam assim. Normalmente um animal é enviado para ‘provar’ o novo ‘alimento’; como ele morre em seguida, os demais ratos observam e fogem. Ou seja, o problema não foi resolvido, os roedores apenas passaram para a vizinhança e continuam circulando pela região e logo retornam ao local. Ao contrário, os raticidas legais, próprios para esse fim e com registro na Anvisa, agem como anti-coagulantes e a morte do animal é mais lenta, fazendo com que todos os ratos da colônia ingiram também o veneno, assim exterminando-os de forma mais eficiente.

IMPORTANTE:

Antes de dormir, não se esqueça de lavar as mãos e bocas, principalmente das crianças, que muitas vezes dormem antes de fazerem a última higiene pessoal.

Os ratos procriam rapidamente quando encontram comida e água em abundância, saiba que quanto maior a oferta de alimentos, maior o número de roedores e filhotes infestando o local rapidamente.

ENDEREÇOS DOS CENTROS DE CONTROLE DE INTOXICAÇÃO DO ESTADO DE SÃO PAULO

ASSISTÊNCIA TOXICOLÓGICA NACIONAL – 0800 722 60 01 – 24H – Para todos os tipos de envenenamento
Microsoft Word - Roedores - Biologia e Controle

 

 

Fontes e Pesquisas:
Bibliografias:
Prefeitura de SP
Funasa – Ministério da Saúde – Vigilância Epidemiológica
www.wikipedia.org

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Post Navigation